O espanhol Rafael Nadal confirmou com relativa facilidade o seu favoritismo, nesta quarta-feira, em sua estreia no Masters 1.000 de Madri. Quinto cabeça de chave da competição realizada em quadras de saibro na capital espanhola, o ídolo local se garantiu nas oitavas de final ao vencer o francês Benoit Paire por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4.

Paire, que na sua estreia bateu o brasileiro João Souza, o Feijão, desta vez deu um pouco de trabalho ao atual quinto colocado do ranking mundial e só foi eliminado após uma hora e 26 minutos de jogo, realizado com casa cheia na quadra central do torneio madrilenho.

Depois de estrear com vitória já na segunda rodada, Nadal agora espera pela definição do seu próximo adversário, que sairá do confronto entre o espanhol Nicolás Almagro e o russo Mikhail Youzhny, programado para acontecer nesta quarta-feira.

Maior jogador de saibro do mundo, Nadal não teve moleza para ratificar o seu favoritismo na estreia. Ele só conseguiu aproveitar uma de cinco chances de quebrar o saque de Paire no primeiro set, mas ela já foi o suficiente para assegurar a vantagem de 6/3. Já na segunda parcial, o francês só cedeu dois break points ao espanhol, que aproveitou um deles no nono game para fazer 5/4 e depois sacar para confirmar a sua vitória.

Outro cabeça de chave que já assegurou vaga nas oitavas de final nesta quarta-feira foi o alemão Tommy Haas, campeão no saibro de Munique no último domingo. Listado como 13.º pré-classificado, ele venceu o espanhol Tommy Robredo por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/5, e terá pela frente na próxima fase o ganhador da partida entre o espanhol David Ferrer e o usbeque Denis Istomin, também agendado para esta quarta.