Rafael Nadal confirmou o favoritismo na primeira partida do confronto entre Espanha e República Checa, pela final da Copa Davis. O número 2 do ranking mundial não teve problemas para superar Tomas Berdych em três sets, com 7/5, 6/0 e 6/2, e colocou seu país à frente na disputa melhor de cinco.

Nadal começou a partida quebrando o saque de Berdych, dando a impressão de que a partida seria tranquila. Mas o espanhol complicou-se nos games seguintes, com muitos erros não-forçados. O checo ganhou força na partida e chegou a ter a chance de fazer 6 a 5. Mas Nadal reagiu e fechou a parcial em 7/5.

A partir do segundo set, o espanhol teve amplo domínio e não deu a menor chance ao adversário. Nadal dominou Berdych no saibro coberto do Palau Saint Jordi, em Barcelona, e cedeu apenas dois games ao adversário nos sets finais.

Na próxima partida do confronto, David Ferrer representará a Espanha contra o checo Radek Stepanek. Caso o espanhol vença, os anfitriões ficarão a apenas uma vitória de conquistar o título do mais importante torneio entre países do tênis.