Rafael Nadal quebrou um longo período de silêncio nesta terça-feira, para falar sobre a morte do francês Mathieu Montcourt, tenista que morreu na noite de segunda-feira, em Paris. O espanhol era amigo de infância de Montcourt e lamentou a notícia.

“Nesta manhã eu acordei com uma das piores notícias que alguém pode receber. Soube da morte de nosso amigo Mathieu Montcourt. Ainda estou chocado. Não posso acreditar”, disse Nadal em seu site. O espanhol não se manifestava desde que ficou fora de Wimbledon, devido a tendinite nos joelhos.

“Conheci Mathieu desde que éramos crianças. Competimos juntos em todos os eventos de nível internacional nas categorias menores: Les Petit, Copa Borotta, etc… E, é claro, continuamos competindo depois que nos tornamos profissionais”, escreveu o tenista espanhol.

“Quando alguém desaparece assim, quando uma coisa dessas acontecem, a gente realmente entende o quanto é relativo perder ou ganhar um jogo de tênis, ou mesmo ficar fora de algum torneio. Perdemos um cara de 24 anos que era esportista. Ele não vai mais jogar com a gente”, lamentou Nadal.

“Gostaria de mandar minhas mais sinceras condolências à família aos amigos e aos fãs franceses. Descanse em paz, Mathieu”, concluiu Nadal.

Mathieu Montcourt ocupava a 119ª colocação no ranking da ATP divulgado na segunda-feira – Nadal é o segundo colocado. As causas da morte do francês ainda não foram confirmadas.