O espanhol Rafael Nadal, que não disputava uma partida desde quando foi eliminado nas semifinais do US Open pelo argentino Juan Martin del Potro, no mês passado, estreou com vitória, nesta terça-feira, no Torneio de Pequim. O segundo colocado do ranking mundial sofreu para superar o cipriota Marcos Baghdatis por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/4.

Recuperado de uma contusão abdominal que o atrapalhou no US Open e o deixou afastado das quadras, Nadal enfrentará na próxima rodada o norte-americano James Blake, que nesta terça-feira bateu o alemão Florian Mayer por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 3/6 e 6/3.

Cabeça de chave número 1 em Pequim, Nadal foi um dos vários favoritos que venceram em suas estreias nesta terça no ATP chinês. Entre eles, apenas o norte-americano Andy Roddick decepcionou. Cabeça de chave número 3, ele perdeu para o polonês Lucasz Kubot, que é um especialista em jogos de duplas, por 2 sets a 0, com 6/2 e 6/4.

O russo Nicolay Davydenko, quarto maior favorito, bateu o compatriota Igor Kunitsyn por 2 sets a 1, com 6/1, 6/7 e 6/2. Logo atrás de Davydenko no ranking de cabeças de chave em Pequim, o espanhol Fernando Verdasco superou o norte-americano Robby Ginepri, também por 2 sets a 1, com 6/7, 6/1 e 6/2.

Sétimo cabeça de chave, o chileno Fernando Gonzalez venceu o espanhol David Ferrer por 2 sets a 0, com 7/5 e 6/4. Em outros confrontos disputados nesta terça, o russo Marat Safin, ex-líder do ranking mundial, derrotou o argentino Jose Acasuso por 6/4 e 6/2, enquanto o croata Ivan Ljubicic bateu o francês Paul Henry Mathieu por 7/6, 4/6 e 6/1. Já o sérvio Viktor Troicki superou o italiano Fabio Fognini por 7/6 e 7/5.

Ainda nesta terça-feira, o sueco Robin Soderling, sexto cabeça de chave em Pequim, faz a sua estreia contra o francês Jeremy Chardy, no confronto que fechará a primeira rodada da competição.