A seleção brasileira de nado sincronizado conquistou a medalha de prata na prova de equipe no Torneio Roma Sincro, na Itália. A equipe, que conquistara também a prata do Campeonato Espanhol Absoluto, em Barcelona, no início do mês, disputou em Roma com alguns dos times fortes da modalidade como Estados Unidos, Suíça e Canadá. Com a medalha do nado sincronizado, os desportos aquáticos tiveram um final de semana repleto de êxitos, pois os saltadores Juliana Veloso e César Castro foram, respectivamente, segundo e quarto lugar na superfinal da modalidade, no México, se firmando na elite deste esporte no mundo.

O Brasil somou 91.833 pontos e ficou atrás da equipe americana, vencedora com 97.333 e na frente da Suíça, terceira colocada com 89.333 pontos. O Canadá terminou na quarta posição, com 84 mil. A rotina técnica da seleção brasileira tem como tema o dia-a-dia de uma grande cidade e a rotina livre, a ópera Fausto.

As medalhas da equipe brasileira de nado sincronizado na Espanha e na Itália colocaram o país em maior evidência às vésperas do Mundial de Barcelona, em julho, e dos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, em agosto. Segundo Mônica Rosas, técnica da seleção brasileira, a participação do Brasil nos dois eventos foi fundamental e mostrou a todos a evolução técnica do time.

“Os resultados superaram as expectativas. Nosso objetivo era confrontar com equipes como México e Suíça e conseguimos superá-las. As atletas competiram muito bem e fomos objeto de comentários positivos de todos os árbitros e técnicos estrangeiros, que ressaltaram o nosso crescimento na parte técnica”, disse.

A seleção de nado sincronizado que disputou em Barcelona e em Roma foi desfalcado das gêmeas Carolina e Isabela de Moraes, medalhistas de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Winnipeg, na prova de dueto, que estão se transferindo definitivamente dos Estados Unidos para o Brasil. O time foi composto por Camile Oliveira, Roberta Fernandes, Beatriz Leite, Graziela Nicoletti, Ludmila Silva, Gláucia Souza, Lúcia Carneiro, Caroline Hildebrant e Mariana Vigneron.