A Câmara Municipal aprovou nesta segunda-feira (26), em primeira votação unânime, com 29 votos favoráveis, a denominação de um logradouro público de Curitiba como Nelson Domingos Comel, jornalista falecido em abril de 2014. Apontado como a principal voz do esporte amador no estado, ele foi o responsável, por exemplo, pelo Campeonato Paranaense de Futebol de Pelada, o Peladão. O projeto foi iniciativa dos vereadores Julieta Reis (DEM) e Tico Kuzma (Pros).

Nelson Comel completaria 89 anos na próxima sexta-feira (30). Arquivo
Nelson Comel completaria 89 anos na próxima sexta-feira (30). Arquivo

“Ele foi uma figura marcante, inesquecível para quem o conheceu. Gaúcho de Guaporé, era curitibano de coração. No esporte amador, Comel militou em diversos órgãos de comunicação”, afirmou Julieta. Na Tribuna do Paraná e no Estado do Paraná, por exemplo, trabalhou desde 1960. A vereadora também destacou que ele recebeu, em 1973, a Cidadania Honorária da capital e, em 1989, a Cidadania Honorária do Paraná.

Para Julieta, o Peladão “tinha uma dimensão muito maior que a Suburbana”. “O próprio governador Beto Richa participou. A gente espera que um dia possa voltar a ocorrer e se chamar Campeonato Nelson Comel”, acrescentou. Ela também sugeriu que Nelson Domingos Comel dê nome ao Centro de Iniciação Esportiva (CIE), que está sendo construído no Parque do Peladeiro, no Cajuru, equipamento público municipal com cerca de 3,7 mil m2 e que abrigará diversas práticas esportivas.

“A nomenclatura significa a gravação do nome de uma pessoa na história de nossa cidade”, continuou Julieta. Kuzma também destacou a trajetória de Comel, que para ele, com os campeonatos amadores e o incentivo ao esporte, ajudou a tirar centenas de jovens das ruas. “O Nelson era um amigo do esporte, um amigo das pessoas. Era a oportunidade que muitos jovens tinham de fazer algo diferente no final de semana. Quantas e quantas crianças foram salvas do crime por aquela responsabilidade de disputar um campeonato amador?”, apontou. “Também incentivava as mulheres, o futebol feminino.”

Projeto foi iniciativa dos vereadores Julieta Reis e Tico Kuzma. Foto: Divulgação
Projeto foi iniciativa dos vereadores Julieta Reis e Tico Kuzma. Foto: Divulgação

“Nesta sexta-feira, dia 30, ele completaria 89 anos. Digo que foi uma honra apoiar os campeonatos, participar dos campeonatos. Aprendi muito com ele. Fica a saudade, mas a lembrança do bom combate. E uma pessoa do bem merece ser lembrada, ser homenageada”, complementou Kuzma.

Participaram do debate, em apoio à iniciativa, o presidente da Casa, Serginho do Posto (PSDB), e os vereadores Colpani (PSB), Felipe Braga Côrtes e Jairo Marcelino, ambos do PSD, Geovane Fernandes (PTB), Helio Wirbiski (PPS) e Sabino Picolo (DEM). A votação foi acompanhada pela viúva do homenageado, Leony de Lima Comel; suas filhas, Cecília e Ana Paula; além de sua neta, Laila com o marido, Felipe Perito.