Ontem, a Nissan fez a entrega de um Livina X-Gear para Alessandra Marchioro, nadadora curitibana que faz parte do Time Nissan, programa de incentivo a atletas com foco em 2016 e que oferece um veículo top de linha Livina a cada um de seus 30 integrantes. A cerimônia foi realizada na AR Motors do Bairro Parolin. Além de Alessandra, em Curitiba, atletas que treinam ou residem em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Mogi das Cruzes, Porto Alegre e Uberlândia já receberam os respectivos veículos.

“Eu não imaginei que fosse ficar tão feliz ao receber este carro. Este é o meu primeiro, e logo um como esse da Nissan, que é tão especial por tudo o que ele representa não apenas em termos de mobilidade, conforto, etc, mas também pelo projeto em si, que tanto está nos ajudando e incentivando a chegarmos aos nossos objetivos”, declarou Alessandra.

“Escolhemos o Livina por se tratar de um carro esportivo, que tem a ver com a personalidade competitiva de cada um dos atletas nos quais estamos investindo e oferecendo todas as condições para que se preparem da melhor forma possível para os Jogos de 2016. É um carro versátil, que atende bem as mais variadas demandas de uso e adaptação”, afirma Fernando Menezes, diretor de comunicação da empresa.

Para atender às necessidades dos paralímpicos, os veículos foram adaptados e já estão prontos para uso. Os custos de seguro, manutenção e revisão serão da montadora. “Estamos oferecendo a esses atletas o conforto interno e segurança encontrados nos modelos Livina tradicionais, com a diferença de que foram feitas algumas adaptações, como a colocação de acelerador eletrônico e freio manual, plataforma para acesso de cadeira de roda no lado do passageiro e adaptação de trilho de acordo com a altura do atleta, entre outros, dependendo de cada caso e necessidade”, explica Alexandre Clemes, gerente-chefe de marketing e produto da Nissan.

Fazem parte atualmente do “Time Nissan” 22 atletas olímpicos e seis paralímpicos representando 12 modalidades olímpicas e cinco esportes paralímpicos, faltando apenas dois nomes para fechar a equipe de 30 integrantes.

Hortência Marcari, ícone do basquete brasileiro e medalhista olímpica, e Clodoaldo Silva, um dos maiores medalhistas paralímpicos de todos os tempos, são os “mentores” da equipe, com a missão de incentivar, acompanhar a preparação e dividir suas experiências pessoais e esportivas até o início das competições, em 2016.