São Paulo – A penúltima e a última rodadas da fase de classificação do NBB será decisiva para muitos times. Enquanto Universo/BRB/Financeira Brasília, Flamengo e Pitágoras/Minas brigam pelas primeiras posições, Vila Velha/Cetaf/Garoto/UVV e Campos do Conde/Sercomtel/Londrina disputam a última vaga para os playoffs. Além disso, todos os outros clubes buscam uma melhor colocação na tabela de classificação para passar bem para a próxima fase.

O líder do NBB, o Universo, joga hoje diante do São José/Unimed/Vinac. O time de Brasília está com a mesma campanha que o Flamengo (19 vitórias e cinco derrotas) e leva vantagem no confronto direto, pois venceu os cariocas no primeiro turno.

Para que a equipe comandada pelo técnico Lula Ferreira se mantenha na liderança, é preciso vencer as duas próximas partidas para não depender de nenhum resultado. No entanto, a partida contra os paulistas preocupa o treinador.

“Precisamos neutralizar as jogadas coordenadas pelo Fúlvio e pelo Matheus porque são os jogadores que criam as jogadas para Wanderson e Paulão finalizarem. Esses atletas são o alicerce da equipe do São José”, disse Lula Ferreira.

Na segunda colocação, o Flamengo enfrenta o terceiro colocado, o Minas, que está a apenas duas vitórias do time carioca na classificação. Os mineiros ainda podem alcançar a segunda posição na tabela, por isso, o rubro-negro sabe que a vitória é fundamental para tentar resgatar a liderança da competição.

“Este jogo contra o Minas é importante para que possamos garantir a segunda colocação. Será uma partida complicada porque o Minas está fazendo uma boa campanha, no entanto, estamos jogando dentro de casa e precisamos vencer”, disse o técnico Paulo Chupeta.

Caso o Minas vença as duas partidas deste final de semana e o Universo perca os dois jogos, os mineiros assumem a segunda colocação e os brasilienses passam a ser terceiro.

Assim, o Flamengo se tornaria líder. Se o Universo e o Flamengo vencerem nesta 13ª rodada, a disputa pela liderança será decidida no domingo, num jogo entre ambas as equipes.

Os três times mais o Vivo/Franca já garantiram a classificação para o Torneio Interligas Brasil/Argentina, que será realizado na próxima semana. “Garantimos a classificação para disputar o Torneio Interligas, que será uma competição importante para nós, e agora vamos aguardar nossa posição na tabela, que dependerá também de resultados”, afirmou o técnico do Minas, Flávio Davis.

Melhor colocação

Na sequência da 13ª rodada do segundo turno, o Pinheiros/SKY recebe o Assis Basket, em São Paulo. Este duelo será um confronto direto, já que o Pinheiros ocupa a oitava colocação e o Assis é o nono.

Em caso de vitória, o time da casa se garante à frente do rival e segue na disputa para melhorar sua classificação. Se o NBB acabasse hoje, os dois times se enfrentariam nos playoffs de oitavas de final.

No primeiro turno, o Assis recebeu o Pinheiros e venceu por 94 a 92. Na rodada passada, o time do técnico Cláudio Mortari obteve uma excelente vitória em Franca, contra o time local, por 78 a 77. Já o Assis vem de derrota para o Flamengo, em Assis, por 95 a 60. O jogo será transmitido ao vivo pelo Sportv, às 19h.

Além da partida entre Pinheiros e Assis, a capital paulista terá mais um jogo hoje. O Paulistano enfrenta o GRSA/Itabom/Bauru. Em décimo, o time do técnico João Marcelo entra em quadra em busca da décima vitória na competição, já que tem como objetivo ultrapassar o Assis na tabela.

Pela última vaga

Hoje Campos do Conde/Sercomtel/Londrina e Vila Velha/Cetaf/Garoto/UVV se enfrentam em confronto direto pela última vaga nos playoffs de oitavas de final do NBB.

O time capixaba leva a vantagem, já que além de ter duas vitórias a mais que o rival na competição, venceu o adversário no primeiro turno, por 77 a 68. Assim, para se classificar para próxima fase, cabe aos paranaenses a difícil missão de vencer o jogo por mais de nove pontos, superar o Saldanha no domingo, e, ainda torcer para que o Vila Velha perca para o Joinville na próxima rodada.

“Nosso primeiro objetivo é fazer um jogo dentro de um padrão consistente para que a vantagem de mais de nove pontos possa surgir naturalmente. Temos a oportunidade das nossas vidas de ficar com essa vaga”, afirmou o técnico do Londrina, Ênio Vecchi.