O secretário municipal para assuntos da Copa do Mundo, Reginaldo Cordeiro, admitiu ontem que a Arena da Baixada não estará totalmente concluída em 31 de dezembro, prazo final estipulado pela Fifa. A estimativa é que o estádio chegue a 95% de seu cronograma. Mesmo assim, o secretário garantiu que o jogo-teste no local, programado para o dia 26 de janeiro, está confirmado. ‘Ainda assim se mantém a data de 26 de janeiro para o evento-teste, com uma capacidade de 10 mil pessoas. Chegaremos em 31 de dezembro entre 90% e 95%, mas a parte de infra e supraestrutura estará concluída. Faltarão apenas acessórios e acabamentos, que serão concluídos nos 25 dias antes do evento-teste’, completou.

Quanto ao gramado, Cordeiro disse que ele só começará a ser colocado a partir do próximo dia 30. Segundo ele, o atraso se deve ao embargo de seis dias, no começo do mês passado, e também pelo atraso nas liberações das parcelas do financiamento junto ao BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social). ‘Primeiramente, o motivo do atraso foi aquele embargo da obra, que deixou tudo parado por seis dias. O segundo motivo foi o atraso da liberação das parcelas por exigências do Tribunal de Contas’, afirmou.