A Federação Paranaense de Futebol não chega nem a confirmar a vaga na Copa do Brasil 2011 ao Operário. No entanto, a possibilidade de classificação do Atlético para a Libertadores já cria expectativa em mais um que está na fila: o Paranavaí.

No Vermelhinho do Fim da Linha, como bem definiu o diretor de futebol do clube, a fé no Furacão fica bem clara. “Estamos mesmo na torcida pelo Atlético. É um time de qualidade, que está brigando nas finais do campeonato. O bom assim é que sobra uma vaga pra nós”, destaca Lourival Furquin, sedento pela quinta vaga.

Porém, nem mesmo o possível dono da indicação número 5 para a Copa do Brasil chega a ter certeza de sua participação no torneio. Trata-se do Operário de Ponta Grossa, que ainda aguarda posicionamento oficial da FPF.

“Perguntamos pela vaga sempre que vamos à sede da federação. Mas até o momento não recebemos nenhum documento”, atesta o presidente do Fantasma, Carlos Iurk.

Questionado sobre como ficará a questão da vaga, o vice-presidente da FPF, Amilton Stival, disse que a entidade também está na espera de informações. “Ainda não sabemos como ficará, pois é um campeonato da CBF”.