Cheio de dúvidas para escalar o time do Corinthians, o técnico Oswaldo de Oliveira surpreendeu durante treinamento neste sábado, no CT Joaquim Grava, e testou o lateral-esquerdo Uendel como opção no meio de campo, visando a partida contra o Internacional, segunda-feira, às 20h, no Itaquerão.

Sem poder contar com Giovanni Augusto, Rodriguinho e Lucca, todos suspensos, Oswaldo testou Uendel e Marlone no meio, Romero à frente e Vilson e Balbuena retornando ao time, após cumprirem suspensão.

Assim, o treinador começou a atividade neste sábado com: Walter; Fagner, Vilson, Balbuena e Guilherme Arana; Willians, Marquinhos Gabriel, Camacho, Uendel e Marlone; Romero. No segundo tempo do treinamento, Oswaldo tirou Uendel para a entrada de Marciel e manteve Arana na lateral. A equipe reserva foi: Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Léo Santos e Ameixa; Cristian, Léo Jabá, Jean, Marciel (depois Uendel) e Isaac; Gustavo.

Quanto a Guilherme, o atacante treinou no gramado pela primeira vez, após se recuperar de dores na coxa direita, e passará por exames e testes neste domingo para saber se terá condições de jogo na segunda-feira. Caso tenha, a tendência é que ele inicie a partida no banco de reservas.

O atacante Bruno Paulo e o zagueiro Yago, que operaram hérnias recentemente, treinaram no gramado. O Corinthians faz a última atividade antes de encarar o Internacional na manhã deste domingo, novamente no CT Joaquim Grava. Após o treino, o técnico Oswaldo de Oliveira vai dar entrevista coletiva e pode confirmar o time.