O clássico de domingo, na Vila Belmiro, entre Santos e Palmeiras, pela 33ª rodada do Brasileirão, será especial para o atacante Kléber Pereira. Se ele marcar mais um gol, se tornará o maior artilheiro do Santos de todas as edições do Campeonato Brasileiro, superando Serginho Chulapa e Viola, que anotaram 21, em 1983 e 1998, respectivamente.

Além de enfrentar um dos times que brigam pelo título do Brasileirão, Pereira terá do outro lado o maior concorrente pela artilharia da competição. Alex Mineiro já marcou 18 gols, dois a menos que o santista. Por essas razões, o atacante do Santos atribui o favoritismo ao Palmeiras.

“Se o favoritismo não for do Palmeiras, eu não sei de quem pode ser”, disse o atacante. O jogador se refere à vantagem do time do Palestra Itália, que jogou em casa na quarta-feira, enquanto o Santos enfrentou o Sport no Recife na quinta. “Mesmo assim, acredito que vamos fazer um bom clássico”.

Responsável por mais 50% dos gols santistas (41) no Campeonato Brasileiro, Kléber Pereira demonstra humildade e divide com os seus colegas de time o mérito de ser o artilheiro da competição. “Faço gols graças ao esforço dos companheiros. Se o time não jogar bem, nem Kaká e Ronaldinho resolvem”, argumentou.