O finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, novo líder do Mundial de Fórmula 1, considera o segundo lugar obtido neste domingo no Grande Prêmio do Bahrein um bom resultado, levando em conta as circunstâncias. "O fim de semana foi bastante difícil para mim porque não tivemos um carro perfeitamente regulado", afirmou o atual campeão do mundo.

"A verdade é que, após um fim de semana ruim, o segundo lugar não é nada mal. Espero que na próxima corrida tudo seja diferente", acrescentou o finlandês. "Em alguns momentos não pude direcionar o carro da forma certa, mas consegui chegar em segundo".

Raikkonen explica que seu pior momento na pista foi no primeiro reabastecimento e troca de pneus. Por isso teve de fazer uma segunda parada curta. "Foi uma parada mais rápida [a segunda], porque tive alguns problemas na primeira parada com o sistema eletrônico, por isso demorou mais"

"Agora lidero o campeonato e isso é o mais importante, mas, repito, este não foi o fim de semana mais fácil. O importante é somar pontos, e o fiz nas três corridas", concluiu Raikkonen."Nunca tive bons momentos aqui, mas a soma dos pontos diz que está bom. Estou feliz por voltarmos à Europa.