O Paraná foi o principal destaque do atletismo nos Jogos Escolares Brasileiros que acontecem em Brasília. A modalidade foi a primeira a encerrar, e os paranaenses foram campeões em duas das três categorias em disputa. O feminino ficou em primeiro lugar disparado, com 52 pontos, contra 33 do Rio de Janeiro. O masculino ficou apenas com a quinta colocação. Na categoria Adaptados, que contou com atletas deficientes mentais e visuais, o Estado garantiu o primeiro lugar com 90 pontos contra 70 do Ceará.

Entre as meninas, o destaque foi Wanessa T. Nascimento Zavolski, 14 anos, do Colégio Estadual Linda Bacila, de Ponta Grossa. Ela ganhou medalha de ouro nos 250 metros rasos, no revezamento 4 x 75 m e ainda pontuou com a quarta colocação no salto em distância. Valdinéia Martins, do Colégio Estadual Centrão, em um assentamento em Querência do Norte, ficou com a prata no salto em altura.

No masculino, os melhores resultados foram de Rodrigo Silva dos Santos, da Escola Estadual Professor João Rodrigues da Silva, em Londrina, que ficou com a prata nos 250 m, e Arisson Luiz Batista, do Colégio Estadual Professor João Rodrigues da Silva, de Rolândia, prata nbo arremesso de peso.

Na categoria Adaptados, a atleta Suelen Pâmela Martins, 14 anos, garantiu três medalhas de ouro, enquanto Robson Luiz Vieira Freitas, o mais novo atleta da competição, com 12 anos, ganhou duas de ouro e uma de bronze, e Prudêncio Trumbhica ganhou duas de prata e uma de bronze. Os três atletas são alunos do Centro Paraesportivo de Deficientes Visuais e Escola Especial Professor Osni Macedo Saldanha.

O chefe da delegação do Paraná em Brasília e diretor de Esportes da Paraná Esporte, Lester Pinheiro, destaca os resultados paranaenses como fruto dos Jogos Colegiais do Paraná realizados este ano. “Com os Jogos Colegiais pudemos fazer uma seleção num universo de 300 mil crianças. Este resultado vem reafirmar que nunca mais pode se paralisar esta competição”, disse Lester, se referindo aos cinco anos em que não ocorrem os Jogos Colegiais do Paraná.

Basquete e futsal

No basquete masculino, o Sepan, de Ponta Grossa, venceu o Colégio Objetivo/MS por 55×42. Foi a segunda vitória consecutiva. Já as meninas do Positivo perderam para o Colégio Magnum Agostiano, de Minas Gerais, por 55×30.

A equipe de futsal do Colégio Marista, de Maringá, estreou com vitória de 5×3 sobre o Colégio Salestiano Nossa Senhora da Vitória, do Espírito Santo. O adversário de hoje será o Centro Educacional Visão, de Rondônia.