O Paraná Clube definiu ontem a contratação de seu 20.º reforço apenas nesta Série B. O goleiro Zé Carlos, depois de alguns desmentidos, assinou contrato até o fim da temporada, com opção de renovação para o ano que vem.

A transação foi intermediada pela L.A. Sports, que vinha conversando com o atleta desde o seu desligamento do Criciúma. “Temos ótimas referências desse jogador. A negociação acabou sendo facilitada pelos parceiros e decidimos nos precaver”, justificou o diretor de futebol Paulo Welter.

A contratação tornou-se necessária, na avaliação dos dirigentes, diante da lesão de Rodolfo, que sofreu uma luxação no ombro e não tem retorno previsto pelos médicos.

“Ficamos apenas com o Ney e os garotos Thiago Rodrigues e Luís Carlos. E temos um turno inteiro pela frente”, citou Welter, lembrando que Ney, por exemplo está pendurado com dois cartões amarelos. Zé Carlos, segundo o dirigente tricolor, foi destaque nas duas últimas edições do Campeonato Catarinense. “Ele também já esteve nas seleções de base, junto com o Renan, ex-Inter”, citou o diretor paranista.

José Carlos dos Anjos Sávio, completa 24 anos no próximo mês. Pode ser a última contratação da equipe para a sequência da Série B, já que as inscrições vão apenas até 25 de setembro, véspera da 26.ª rodada. Zé Carlos passou pelos exames médicos na tarde de ontem.

O clube ainda não confirmou a data de sua apresentação oficial, mas ele deve estar à disposição da comissão técnica já para o jogo contra o Bahia, válido pela primeira rodada do returno.