Era o jogo para reiniciar a jornada rumo ao G4 da Série B. Diante do adversário mais fraco da competição, o Grêmio Barueri, o Paraná precisava da vitória para apagar a má impressão do último jogo, contra o Guaratinguetá, e trazer tranquilidade para o ambiente. Contudo, mais uma vez, o tricolor voltou a decepcionar e ficou apenas no empate por 1 a 1, mantendo o time paranaense na 12.ª colocação, cada vez mais distante do pelotão principal.

Mesmo diante da fragilidade do Barueri, que tem como principal jogador o veterano Marcelinho Paraíba, o Paraná mostrou um futebol absolutamente previsível, insistindo, principalmente, nas jogadas aéreas. O Barueri, ao contrário, surpreendeu com uma formação ofensiva e criava boas chances.

A torcida, que estava na bronca, ficou ainda mais impaciente quando aos 27 minutos o zagueiro Alex Lima, aproveitando a falha do goleiro Thiago Rodrigues, escorou de cabeça e abriu o marcador. Menos mal que 13 minutos depois, Fernandinho lançou Luizinho, que fez boa jogada e rolou novamente para Fernandinho empatar o jogo.

Chances criadas, todas desperdiçadas

Melhor no segundo tempo, o Paraná pressionou mais o adversário e criou boas chances. Mas o poderio limitado de fogo do tricolor esbarrou nas boas defesas de Fernando Leal, que foi se tornando o principal atleta do Grêmio Barueri. Lúcio Flávio, Wellington e Arthur tiveram boas chances de virar a partida.

Mesmo superior, o Paraná cedeu espaços para o time paulista. Aos 20, Alex Santos teve que “voar” para tirar o gol certo de Marcelinho Paraíba.

No último lance, em uma cobrança de falta, Wellington bateu forte e o goleiro do Barueri fez uma grande defesa.

O próximo jogo do Paraná será contra o Joinville, fora de casa, no dia 21.

Veja na galeria de fotos o jogo do tricolor.