O Paraná pode não ter sido brilhante, mas foi eficiente. O tricolor venceu a Portuguesa, lanterna do campeonato, pelo placar mínimo e vai se afastando cada vez mais da zona de rebaixamento. A vitória deixa o tricolor na 13.ª colocação.

Mesmo jogando contra o último colocado, o Paraná teve muita dificuldade em campo. Tanto que as melhores chances criadas no primeiro tempo foram praticamente da Lusa. Para azar do time paulista, o goleiro Murilo, em noite inspirada, tratou de fechar o gol.

Por conta da má jornada, a torcida paranista vaiou bastante o time ao final do primeiro tempo.

Adaílton salva a lavoura

A segunda etapa começou da mesma maneira que terminou o primeiro tempo. Com a Portuguesa atacante e criando boas chances e com o Paraná perdido em campo.Porém, a sorte mudou para o tricolor aos 14 minutos. Após um levantamento milimétrico, o atacante Adaílton subiu com estilo e testou forte, para o fundo das redes. Festa e alívio da torcida paranista.

O gol trouxe tranquilidade para o time, que passou a criar mais e a dar trabalho para o goleiro Rafael Santos. A Portuguesa acabou se abatendo e, com exceção de um e outro lance, pouco fez até o final da partida.

O próximo jogo do Paraná será contra o ABC, em Natal.