A vexatória eliminação do Paraná diante do Jacuipense-BA, na quinta-feira, na primeira fase da Copa do Brasil, deixou o clima de terra arrasada na Vila Capanema.

O técnico Luciano Gusso foi demitido, assim como todo o restante da comissão. A menos de duas semanas do início da Série B, o Tricolor terá de recomeçar o trabalho de 2015 da estaca zero.

Em meio aos escombros da queda, o clima no clube é de feroz reconstrução. A esperança é de apresentar ao torcedor um time minimamente competitivo para a estreia na Segundona. O Paraná abre a disputa contra o embalado Ceará, em 8 de maio, às 21h, em casa.

O nome do novo técnico segue em sigilo. Nedo Xavier, do CSA-AL, e Ary Marques, do J. Malucelli, estão cotados. Xavier negou qualquer contato do Paraná. Já Marques revelou ter tido reuniões com a diretoria tricolor ainda durante o Estadual, logo após a ascensão do grupo Paranistas do Bem ao poder, na esteira da renúncia de Rubens Bohlen, no último mês de março.

Correm por fora Fernando Diniz, ex-Audax, e Claudinho Batista, ex-Mogi Mirim. Ambos jogaram no Paraná na década de 90. Mas, segundo informações, Vavá tenta convencer Geninho a assumir o comando da equipe.

Interino

O Paraná anunciou ontem que o ex-jogador Fernando Miguel vai assumir o time interinamente até a contratação de um novo treinador.

O ex-jogador voltou ao clube no fim de março, indicado por Durval Lara Ribeiro, o Vavá, que está chefiando o departamento de futebol. Contratado como assistente técnico, agora ele terá a missão de comandar os trabalhos do grupo que se prepara para a disputa da Série B.

Fernando Miguel pendurou as chuteiras em 2007 e nos dois últimos anos atuou na Suburbana de Curitiba, por Trieste (2013) e Novo Mundo (2014).

Reforço

O Paraná anunciou sábado a contratação do volante Washington, ex-Palmeiras. Ele é o terceiro reforço trazido pelo clube para a Série B.

O jogador se destacou no ano passado na Penapolense, equipe que alcançou a semifinal do Paulista. Depois acabou contratado pelo Joinville para a disputa da Segundona. Ainda em outubro, ele se transferiu para o Palmeiras que lutava contra o rebaixamento na Série A. Em 2015, ele perdeu espaço no time paulista.

Além do Washington, o Paraná anunciou nesta semana a contratação do zagueiro Rodrigo, ex-XV de Piracicaba, e do volante Éder, ex-São Bento.