Titular absoluto desde que chegou ao Paraná Clube para a disputa do Campeonato Brasileiro, o meia Caio Henrique sabe que ainda que o Grêmio venha com um time misto para o duelo deste domingo (20), às 16h, na Vila Capanema, o jogo não será nada fácil, ainda mais com o Tricolor precisando conquistar a primeira vitória na competição.

“A pressão vai ser a mesma se for o time reserva ou titular do Grêmio. Sabemos que a equipe reserva também é qualificada, tem bons jogadores. Estamos pressionados, então temos que procurar vencer”, disse ele, exaltando as qualidades do adversário.

Possivelmente, o técnico Renato Portaluppi use os titulares que não entraram em campo na Venezuela, na vitória gremista por 2×1 sobre o Monagas, pela Libertadores, mas deve poupar o goleiro Marcelo Grohe, os zagueiros Kannemann e Pedro Geromel e o lateral-esquerdo Cortez para a sequência de jogos. O volante Ramiro, por não ter atuado contra Goiás e Internacional, deve estar em campo. já o volante Arthur, o meia Alisson e o atacante Everton seguem em recuperação por lesões musculares e estão vetados.

“Vem bastante modificado, mas não deve mudar muito. É uma equipe com bastante posse de bola e que gosta de jogar. Então a gente tem que tentar neutralizar as melhores armas deles. Sair com tranquilidade e em uma bola de contra-ataque tentar matar o jogo”, explicou Caio Henrique.

Confira a classificação completa do Brasileirão!

Vindo como uma contratação de peso para o Paraná Clube, o jogador, que estava no Atlético de Madrid, da Espanha, ainda não balançou as redes, o que não é motivo de preocupação para o atleta.

“Em relação ao gol estou tranquilo. Sei que vai sair naturalmente venho trabalhando forte pra isso, na melhor hora vai sair. Meu estado físico vem evoluindo. Faltava um pouco de ritmo de jogo quando eu cheguei, o que era normal, mas a cada partida vou crescendo”, comentou o meia, que aposta na união da equipe para que essa má fase seja superada.

“Estamos todos juntos. Sabemos da situação que estamos passando no campeonato e estamos em busca da primeira vitória, eu sei que quando a gente conseguir, as coisas vão melhorar”, finalizou.