Antes de mais nada: tamo junto, Paraná! Sim, a Tribuna está do lado do Paraná Clube na luta pelo acesso para a primeira divisão. Não é uma decisão de uma ou outra pessoa, de um ou de outro chefe. É a nossa posição, uma tomada de partido neste momento da temporada em que todos que desejam a melhoria do futebol paranaense têm que estar ao lado do Tricolor. Assim como estamos sempre ao lado dos nossos times, neste momento empunhamos a bandeira vermelha e azul para ajudar, no que está dentro do nosso alcance, a campanha paranista até a primeira divisão.

Não se fala apenas de um triunfo técnico, de um mero acesso de uma divisão para outra. É uma mudança de patamar que atinge o Paraná em particular e o futebol paranaense como um todo. É só puxar pela memória, sem fazer muita força, e descobrir que quase todas as conquistas passaram pela presença efetiva de nossos times na elite do esporte brasileiro. Em vez do “olhar pra baixo”, da “autofagia” que consome muitos, nossos times se movimentam pelo “olhar pra cima”, pelo “um puxa o outro”.

Precisamos transformar a rivalidade clubística, tema de provocações, brincadeiras e discussões entre torcedores, em um movimento de crescimento constante do futebol paranaense. Ter três times na Série A (por que não quatro, com o Londrina?) significa mais representatividade nacional, maior poder de negociação com a televisão, condições de fortalecer o campeonato estadual e, principalmente, mais força em campo, mais chances de lutar por objetivos reais.

E estar ao lado do Paraná Clube é uma atitude natural neste momento. A vitória sobre o Internacional na terça-feira (3) demonstrou o potencial tricolor tanto dentro quanto fora de campo. Respeitando o torcedor, apostando no futebol e gerindo o clube com austeridade, o que parecia um sonho irrealizável no início de 2017 passou a ser uma realidade matemática, que depende apenas do próprio Paraná para se concretizar.

Confira a classificação da Série B!

Por isso a Tribuna esteve na terça-feira com a maior equipe entre jornais e sites, acompanhando desde bem antes do jogo e praticamente “fechando” a Arena da Baixada. A partida tinha relevância, e por isso foi acompanhada dessa forma. Será assim até a partida do acesso, seja ela em Curitiba ou fora daqui. E também seremos o canal do torcedor, abrindo espaço para que a galera se manifeste em texto ou em vídeo, mandando sua mensagem de incentivo aos jogadores.

Esse apoio é irrestrito, mas não é dado de olhos fechados. Continuaremos cumprindo o papel de apontar falhas e erros, porque assim se faz um apoio verdadeiro. Mas vibrando com os triunfos do Tricolor, assim como vibraremos com a fuga do Coritiba da zona de rebaixamento e vibraremos com o Atlético chegando ao G7. Esse é só o primeiro passo, ainda há muito a conquistar.

Por isso, estamos juntos com o Paraná Clube. Ou melhor: tamo junto, Paraná!