Já são 106 dias, 18 jogos e quase um turno inteiro sem conquistar um resultado positivo sequer. A retomada do caminho das vitórias poderia ter saído ontem à tarde, na Vila Capanema, mas o Paraná Clube voltou a errar na defesa e cedeu o empate em 1×1 ao Vitória. Matematicamente o Tricolor ainda pode escapar, mas a forma melancólica que terminou o jogo e com o Durival de Britto vazio, não há esperança alguma de que o time ainda conseguirá escapar da degola.

+ Leia mais: Contra o Vitória, Paraná tem o pior público do Brasileirão

O lateral-esquerdo Igor era um dos jogadores mais chateados ao final da partida. O jogador, que começou na sua função de origem e terminou como zagueiro, lamentou o gol sofrido aos 38 minutos e a chance voltar a vencer no Brasileirão.

“O sentimento é muito triste. Não pode acontecer isso. A gente passa a semana todada falando que a bola paradas dos caras é muito boa, que o individual deles é muito. Era para ter colocado e o cara subiu sozinho. Foi fatal. A gente não podia ter deixado passar uma vitória como essa”, apontou o camisa 6 do Tricolor.

+ Também na Tribuna: Tricolor desperdiça a chance de voltar a vencer contra o Vitória

O empate em 1×1 diante do Vitória marcou o reencontro do meia-atacante Alesson com a torcida paranista. O jogador entrou no segundo tempo da partida na vaga do volante Jhonny Lucas, mas pouco produziu. O Tricolor, na oportunidade, já vencia o rubro-negro baiano por 1×0 e adotou, a partir de então, uma postura mais defensiva.

Apesar disso, o jovem meia-atacante do Paraná não escondeu a felicidade por ter voltado a jogar na Vila Capanema e a chance de jogar, pelo Tricolor, clube que o revelou, a Série A do Campeonato Brasileiro. Alesson também lamentou o empate cedido ao time baiano, já no final da partida.

+ Confira: Acompanhe a classificação do Brasileirão

“Estou feliz por ter voltado, como já disse durante a semana, mas muito triste pelo resultado. Poderíamos, claramente, ter saído com os três pontos daqui. Merecemos, tomamos um gol de bobeira nosso, em uma bola parada. Espero agora poder continuar tendo oportunidades e estar ajudando o Paraná”, arrematou o jogador.

Se não conseguir vencer o América-MG, no próximo sábado, fora de casa, o Paraná Clube completará um turno inteiro sem vitórias no Brasileirão. Foi diante do Coelho, no dia 22 de julho, que o Tricolor conseguiu seu último resultado positivo em duelo realizado na Vila Capanema.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!