A vitória conquistada pelo Paraná Clube por 1×0, nesta terça-feira (27), diante do Botafogo-SP representa mais do que os três pontos conquistados. Pelo menos é este o pensamento do técnico Matheus Costa. O resultado em Ribeirão Preto fez com que o Tricolor encerrasse uma série de sete jogos sem vitórias. Além de comemorar o triunfo, o time paranista mostrou, na opinião do treinador, que está novamente na briga pelas primeiras colocações da Série B do Campeonato Brasileiro.

+ Leia também: Tricolor faz promoção de ingressos a R$ 10 pra lotar a Vila

“Significa que retornamos à competição. Fizemos um jogo muito maduro, fomos inteligentes durante toda a partida, criamos situações. Impusemos dificuldade para o adversário que acabou com um homem a menos em virtude do que impusemos a eles”, detalhou o comandante.

O triunfo foi decretado por Jenison, aos 26 da segunda etapa. Antes disso, a situação da equipe na partida não parecia fácil. Na primeira etapa, João Pedro desperdiçou um pênalti e no segundo tempo, mesmo contando com um jogador a mais após a expulsão de Murilo, o Paraná sofria para criar jogadas.

+ Mais na Tribuna: Jogadores do Paraná Clube voltam a falar em acesso

Todos os elementos que tornaram o jogo repleto de pressão para o lado do Tricolor comprovaram, para Matheus, o quanto o grupo é capacitado e pode voltar ao topo da tabela. O Paraná chegou a estar na vice-liderança na 11ª rodada, mas nos jogos seguintes caiu de produção e chegou a estar em 11º.

“Isso mostra a nossa força diante de um período em que a pressão aumentou. Conseguimos reverter o pênalti perdido, uma situação que custa muito no jogo. Soubemos jogar e conseguimos um resultado importante”, falou o treinador.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Mesmo elogiando a postura dos jogadores, o comandante paranista acredita que ainda há muito trabalho a ser feito, uma vez que o time, com um jogador a mais em campo desde o segundo minuto da etapa complementar, poderia ter conseguido uma vitória mais expressiva. Porém, se apegando às adversidades enfrentadas durante o período sem vitórias e até mesmo à questões de bastidores como os salários atrasados no clube, ele destacou que o que fica do confronto é determinação que seu time teve.

“Obviamente poderia ter sido ampliado o placar da partida, mas depois do que passamos, tivemos o poder de superação e voltamos a conquistar uma importante vitória”, finalizou.