Com praticamente três semanas cheias para trabalhar até a largada na Série B do Campeonato Brasileiro diante do Vila Nova, fora de casa, o técnico Matheus Costa está em um período de avaliação do elenco do Paraná Clube. O trabalho vai começar efetivamente nesta segunda-feira (8), mas o treinador aguarda de quatro a cinco novos reforços para dar sequência na preparação do time para a segunda divisão. Os 33 jogadores do elenco serão avaliados neste período e alguns deles não deverão permanecer, sobretudo por conta da chegada de novas peças.

“Temos um número ideal de trabalho que nos encontramos hoje. Não podemos ter um elenco tão numeroso e nem um cobertor tão curto para 38 rodadas. Teremos também a parada para a Copa América, que nos permitirá trabalhar aquilo que pretendemos. As saídas não são fáceis, mas é o trabalho que tem que fazer dentro do entendimento daqueles que não serão utilizados na Série B”, afirmou o diretor de futebol do Tricolor, Mário André Mazzuco.

+ Leia também: Leonardo Oliveira admite erros em 2017 e elogia novo treinador

O Paraná depende, sobretudo, da questão financeira para a contratação de novos reforços. A negociação envolvendo o volante Jhonny Lucas com o futebol europeu, por exemplo, não evoluiu e o clube deixou de ter um fluxo de caixa maior para montar seu elenco. Mazzuco, no entanto, afirmou que tem algumas situações avançadas no que diz respeito a novos jogadores.

“A gente já tem muita coisa mapeada nas tentativas de atletas que entendemos que possam contribuir. Mas dependemos de algumas variáveis. É a opção do atleta, a parte financeira, a liberação dos clubes. Quanto antes eles chegarem, melhor. Temos um tempo de preparação e quando juntar o grupo e desenvolver o trabalho antes da estreia será melhor”, emendou.

Maicosuel

No final do trabalho coletivo desta sexta-feira, na Vila Capanema, quando o técnico Matheus Costa pôde observar melhor o elenco, o meia Maicosuel foi chamado para uma conversa particular com o treinador. Assim como todos os outros atletas, o experiente armador terá sua situação avaliada e sua continuidade no clube ainda é uma incógnita.

+ Mais na Tribuna: Matheus Costa chega animado ao Tricolor e vê time mais estruturado

“Ninguém duvida da qualidade e capacidade do Maicosuel. Vamos observar e analisar todos eles, quem tiver mais capacidade. Outros vão chegar. Não será diferente o caso do Maicosuel. Temos que observar. É igual para todos. Independentemente das situações que aconteceram no passado, chego para observar os atletas e os que se destacarem e podem ajudar o Paraná vão permanecer”, enfatizou Matheus Costa.

O presidente Leonardo Oliveira afirmou que nos próximos dias novidades sobre o atleta serão reveladas. “Com o Maicosuel temos ainda uma situação com a diretoria a ser tratada. Está sendo tratada e em breve vocês terão novidades sobre o assunto”, despistou.

Jhonny Lucas voltou a treinar no Paraná e, por enquanto, está à disposição da comissão técnica. Foto: Felipe Rosa
Jhonny Lucas voltou a treinar no Paraná e, por enquanto, está à disposição da comissão técnica. Foto: Felipe Rosa

Jhonny Lucas

O jovem volante Jhonny Lucas, que estava praticamente de malas prontas para o futebol europeu, está integrado ao elenco do Paraná e à disposição do treinador, segundo o presidente Leonardo Oliveira. O jogador, nesta semana, chegou a viajar para Europa novamente, mais precisamente para a Itália, mas a janela de transferência internacional abre somente na metade do ano. O mandatário paranista comentou sobre o assunto e o impacto que a não negociação do jogador trouxe ao Tricolor.

“Tivemos algumas propostas, foram trabalhadas, aceitas, mas não levadas adiante pelos clubes que as fizeram. Para nós é comemorar termos um atleta do nível do Jhonny Lucas, que vai voltar e disputar posição. Espero que aconteça (negociação) para o bem do Paraná e do jogador, pois ele tem um potencial muito grande e o clube precisa realmente realizar negócios. É dar continuidade nas operações. Se isso influencia ou não nosso planejamento? Óbvio que sim, pois é uma situação que nos traz uma capacidade de investimento diferente. Estamos trabalhando para que aconteça”, concluiu Oliveira.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!