Dez pontos em 12 jogos. Foi assim que o Paraná Clube encerrou esse primeiro momento do seu retorno à primeira divisão do Campeonato Brasileiro. O empate em 1×1 diante do Cruzeiro, na noite de quarta-feira (13), na Vila Capanema, fez o Tricolor permanecer na zona de rebaixamento, mas não tira a confiança do técnico Rogério Micale que o time pode, depois da parada para a Copa do Mundo, escrever um novo momento na competição.

“Gostaríamos de ter uma pontuação maior, mas sabíamos também que esses 12 jogos seriam difíceis, pois a maioria dos nossos adversários entrariam para brigar pelo título. Conseguimos uma pontuação razoável, que pode nos trazer conforto para encarar a situação. O momento do Paraná é de auto-afirmação na Série A. Dentro das nossas limitações, nós estamos encarando todas as equipes de igual para igual”, apontou o treinador.

Diante do Cruzeiro, o Paraná Clube foi mais uma vez irregular. O comandante paranista admitiu a atuação abaixo da média, mas elogiou a superação do time para conseguir buscar o empate já na reta final do jogo.

“Foi uma partida difícil, ainda mais se tratando do Cruzeiro do outro lado. Hoje (quarta-feira) não estivemos tão bem como nos outros jogos, mas continuamos nos superando, que é importante. Gostaríamos de terminar com a vitória, pois estaríamos mais perto ainda de sair da zona de rebaixamento”, prosseguiu.

Confira a classificação completa do Brasileirão!

O Paraná Clube terá agora uma folga de 11 dias e volta a trabalhar no dia 25 de junho. Serão quase quatro semanas de preparação para a retomada da disputa do Campeonato Brasileiro.