O Paraná Clube vive seu melhor momento no ano. Depois de um decepcionante primeiro turno, em que somou apenas uma vitória e terminou em último no Grupo A, o Tricolor se classificou à semifinal da Taça Caio Júnior invicto. Sob o comando do técnico Rogério Micale, foram quatro vitórias e um empate. O placar de 1×0 em cima do Maringá, na noite de quarta-feira (21), na Vila Capanema, foi importante para embalar o time que, agora, segue rumo ao seu objetivo principal neste momento.

“Em termos de resultado foi uma noite extremamente positiva, conseguimos alcançar tudo que desejamos, chegar à semifinal na competição, ser o primeiro da nossa chave e ser o primeiro geral nesta sequência. Estou muito satisfeito com o resultado, por tudo que tinha ocorrido aqui no primeiro turno e tudo que a equipe deu de resposta no segundo. Mas não vamos parar aí, temos dois jogos importantes e nosso pensamento é chegar e lutar muito para tentar ganhar esse título‘, explicou o treinador.

Agora, o Paraná Clube enfrenta o Londrina, em jogo único, neste domingo (25), às 16h, na Vila Capanema. Apesar de ainda não ter uma estratégia definida para esta partida decisiva, o comandante paranista garante que sabe como o adversário costuma montar sua equipe.

“Ainda vou estudar a equipe do Londrina, não tive a oportunidade de acompanhar, mas conheço muito o treinador deles, o Marquinhos (Santos) foi meu colega de curso (de treinadores), é meu amigo, então sei a forma como ele gosta que os jogadores deles joguem. Eu acho que vai ser um grande jogo, um jogo difícil. Ele também está em um processo de recuperação do Londrina e eu acredito que vai ser um jogo bacana”, detalhou Micale.

Com a vantagem de poder jogar em casa, já que terminou na liderança do Grupo A, Micale quer que o estádio esteja cheio no compromisso diante do Tubarão.

“Espero que o nosso torcedor compareça, porque ele se fazendo presente a gente se torna mais forte aqui dentro e a temos mais chance de ganhar”, finalizou.