Não muda nada a situação do time, mas uma vitória vale para diminuir o vexame. O Paraná Clube enfrenta neste sábado (10), o América-MG pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro e um placar positivo representaria o fim de um jejum de 18 jogos sem vitória da equipe na competição. O último triunfo do Tricolor foi justamente em cima do Coelho, no dia 22 de julho, na Vila Capanema. Um turno inteiro se passou e o Paraná não soube mais o que é ganhar uma partida. Na ocasião, Rogério Micale era o treinador. Depois dele, Claudinei Oliveira assumiu “a bronca”, mas saiu com apenas três empates em onze jogos, e agora Dado Cavalcanti é o comandante. Com 18 pontos e afundado na lanterna do Brasileirão – a Chapecoense, em 19º tem 34 pontos para se ter uma ideia da gravidade da situação – o Paraná vai tentar, ao menos, resgatar um mínimo de dignidade em Belo Horizonte.

A missão não deve ser fácil, já que o adversário é o 18º na tabela, com 34 pontos, e ainda luta para fugir do rebaixamento. O Sport, primeiro time fora da ZR, tem 36 pontos, portanto o Coelho vai entrar em campo com vontade de escapar da degola.

+ Leia mais: América-MG x Paraná: Veja o provável time do Tricolor

Para o jogo, Dado vai apostar na sequência do time titular para assim, tentar dar mais confiança a seus atletas.

“A estratégia adotada é de repetição, porque acredito muito na confiança. Nossa equipe tem uma confiança muito abalada. O fato de jogar com meus companheiros várias vezes me faz ter mais conhecimento sobre ele”, explicou.

O time só não poderá ser o mesmo que encarou o Vitória na última rodada porque o lateral-esquerdo Igor, que recebeu o terceiro cartão amarelo na última partida, cumprirá suspensão automática. Mais uma vez, o volante Wesley Dias deve ser improvisado na ala direita, já que Júnior segue no departamento médico. O zagueiro Rayan, também continua no DM, tratando uma lesão no músculo adutor da coxa. Portanto, a tendência é que haja somente uma mudança na equipe titular, com a entrada de Mansur no lugar de Igor.

+ Confira a tabela e a classificação do Brasileirão!

Na esperança de que possa voltar de Minas Gerais com três pontos na bagagem, o comandante aposta na garra que o time terá ao entrar em campo.

“Vamos jogar com onze e enfrentar o adversário com o que temos de melhor. Estamos atrás em nível técnico, mas estamos fazendo o nosso melhor para fazer jogos de igual para igual”, disse Dado.

Restando apenas seis rodadas para o fim da Série A, o treinador sabe que em algum momento o time terá forças para alcançar, finalmente, uma tão suada vitória.

“Minha expectativa é vencer, sabe-se lá quando, mas interromper de vez esse espaço sem ganhar”, arrematou.

Ficha técnica

CAMPEONATO BRASILEIRO
2° Turno – 33ª Rodada

América-MG × Paraná

América-MG
João Ricardo; Norberto, Matheus Ferraz, Messias e Carlinhos; Donizete (Zé Ricardo), Juninho, Ruy (Gerson Magrão) e Matheusinho; Luan e Rafael Moura
Técnico: Adilson Batista

Paraná
Richard; Wesley Dias, René Santos, Jesiel e Mansur; Leandro Vilela, Jhonny Lucas e Alex Santana; Juninho, Andrey e Rafael Grampola.
Técnico: Dado Cavalcanti

Local: Independência (Belo Horizonte-MG)
Horário: 17h
Árbitro: Wagner Reway (Fifa-MT)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Eduardo Goncalves da Cruz (MS)    

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!