A briga pela titularidade na meta do Paraná Clube é o que precede o duelo desta terça-feira (28), contra o Náutico, às 19h30, na Vila Capanema. Na manhã desta segunda-feira, o Tricolor trabalhou no CT Racco e o técnico Fernando Diniz não confirmou quem será o camisa 1.

“A gente precisa ter dois goleiros titulares, no Audax era assim, é fundamental que o goleiro esteja bem preparado, seria arriscado manter só o Marcos, já que o Murilo e o Wendell estão machucados”, disse o treinador, sobre a contratação de Felipe Alves.

Outra dúvida para o confronto frente ao Timbu está na proteção da defesa. Com a transferência do volante Washington para o futebol português, o lateral-esquerdo Fernandes tem sido improvisado no setor.

“O Fernandes foi muito bem e está bem nos treinamentos, a gente procura adaptar os jogadores, estou num processo de reconhecimento do time e ele pode jogar em outras posições ainda”, frisou Fernando Diniz.

A tendência é que o Paraná seja escalado com Marcos (Felipe Alves); Ricardinho, Luiz Felipe, Luciano Castán e Rafael Carioca; Jean, Fernandes, Rafael Costa e Danielzinho; Henrique e Fernando Viana.