Ainda sem vencer depois de três rodadas na Série A, o Paraná Clube vai encarar a Chapecoense na segunda-feira (07), às 20h, na Arena Condá. O zagueiro Cléber Reis, que estreou no time no último domingo (29), no jogo contra o Sport, em que o Tricolor saiu derrotado por 2×1, sabe que somente um placar positivo poderá reverter o clima no time.

“Para trazer tranquilidade e alegria para a gente, tem que ter vitória. Mas para isso, temos que trabalhar, ter a cabeça boa, ter tranquilidade, cada um cobrar a si próprio. Podemos sim reverter essa história”, disse o jogador.

Para o atleta, encontrar o caminho da vitória servirá para mostrar que o Paraná pode se manter na elite do futebol brasileiro.

“O ’patinho feio’ da história somos nós ainda. Desde que começou o campeonato foi dito que nós seríamos o ’patinho feio’, mas daqui para frente a gente pode mudar isso e provar, não somente para os outros, mas para nós mesmos que conseguimos”, ressaltou o zagueiro, sabendo das dificuldades que o time vai encarar para conseguir sair da posição complicada na tabela.

Confira a tabela e a classificação do Brasileirão!

“Não tem jogo fácil no Brasileiro. São 20 equipes qualificadas e sabemos da dificuldade do Campeonato Brasileiro. Não tem como escolher o time A, B ou C, todas são quase do mesmo nível. Tem que jogar do mesmo jeito que enfrentamos as outras equipes, mas ainda, infelizmente, a vitória não veio. Contra a Chapecoense, temos que implantar tudo isso que fizemos nos três jogos para sair com o resultado positivo. E depois contra o Santos também”, finalizou.