A fase definitivamente não é boa. Depois de começar bem o ano e surpreender muita gente, o Paraná Clube atravessa o pior momento na temporada. Neste sábado (10), em plena Vila Capanema, o Tricolor jogou mal e foi derrotado pelo Guarani por 1×0, chegando ao quinto jogo seguido sem ganhar, sendo quatro pela Série B, onde soma apenas seis pontos e ocupa a 16ª colocação. Na próxima rodada, a equipe paranista enfrenta o Náutico, terça-feira (13), às 19h15, na Arena Pernambuco.

Confira como foi o jogo no Tempo Real da Tribuna!

Um jogo com velocidade, com os dois times atacando, mas sem concluir a gol. Assim foi a maior parte do tempo do confronto na Vila Capanema. Paraná Clube Guarani trocavam mais divididas, encontrões e até algumas discussões, mas os chutes foram muito poucos.

Muito também por conta das defesas. Bem postados, os marcadores não davam espaço e a alternativa foram várias bolas levantadas na área, mas sem muito perigo. Porém, mesmo fora de casa, o Bugre começou, aos poucos, a dominar a partida e no primeiro tempo foi quem mais chegou próximo de abrir o placar. Aos 30, Samudio avançou pela direita e chutou cruzado, pra fora.

Acuado, o Tricolor pouco chegava no seu campo ofensivo. Tanto que quem mais tocava na bola eram os volantes. Gabriel Dias e Jhony trabalharam muito para ajudar nos desarmes, mas na hora de tentar ligar o ataque, o Guarani já recuperava e partia para cima.

Pra tentar mudar o panorama do jogo, o técnico Cristian de Souza colocou o meia-atacante Minho, para dar mais velocidade ao time lá na frente. Só que o Guarani não só continuou dominando a partida, como também conseguiu chegar ao gol. Aos sete minutos, Bruno Nazário cobrou escanteio e Braian Samudio, de cabeça, mandou para as redes.

Atrás no placar, o Tricolor não teve outra alternativa que não atacar mais. E aí melhorou em campo. Aos 13, Felipe Alves aproveitou cruzamento de Robson pela direita e mandou de cabeça, mas acertou o pé da trave direita do goleiro Leandro Santos. Depois, na metade final do segundo tempo, o Paraná passou a jogar com dois atacantes e com apenas um volante. Uma tentativa de pressionar ainda mais o time de Campinas.

Confira a classificação da Série B!

Satisfeito com o resultado, o Guarani se fechou e passou a explorar os contra-ataques, chamando os donos da casa para o ataque. Porém, ao tentar criar, o time paranista parecia um amontoado de jogadores em volta da área, mas sem conseguir trabalhar as jogadas.

Por outro lado, quando chegou, o Bugre levou perigo. Aos 38, Auremir deu um tapa da entrada da área e acertou a trave. Gol que não fez falta, uma vez que o Tricolor não conseguiu ser eficiente lá na frente e amargou a primeira derrota em casa.

FICHA TÉCNICA

SÉRIE B
1º turno – 6ª rodada

PARANÁ CLUBE 0X1 GUARANI

Paraná Clube
Richard; Leandro Vilela, Rayan, Eduardo Brock e Assis; Jhony (Luiz Otávio, 36 do 2º), Gabriel Dias (Pedro Bortoluzo, 24 do 2º), Guilherme Biteco, Matheus Carvalho (Minho, intervalo) e Robson; Felipe Alves.
Técnico: Cristian de Souza

Guarani
Leandro Santos; Lenon, Genilson, Diego Jussani e Salomão; Auremir, Evandro, Braian Samudio (Caique, 29 do 2º), Bruno Nazário e Claudinho (Juninho, 26 do 2º); Eliandro (Denner, 33 do 2º).
Técnico: Oswaldo Alvarez

Local: Vila Capanema
Árbitro: Alinor Silva da Paixao (MT)
Assistentes: Marcelo Grando (MT) e Renan Antonio Angelim Rodrigues (MT)
Gols: Braian Samudio, 7 do 2º
Cartões amarelos: Leandro Vilela (PAR); Samudio, Auremir (GUA)
Público pagante: 4.228
Público total: 4.619
Renda: R$ 83.740,00