Mais distante do G4 e com 21 pontos em disputa, o Paraná Clube trata o duelo contra o Londrina, nesta segunda-feira (28), às 20h, na Vila Capanema, como o divisor de águas para seguir lutando pelo acesso à primeira divisão. Em meio a essa sequência de decisões que terá pela frente, o técnico Matheus Costa segue também buscando uma formação ideal. E não descarta manter o esquema com três zagueiros para o embate diante do Tubarão.

+ Serviço: Tem promoção de ingressos pro jogão!

“Pode ser um jogo especial contra o Londrina, mais especial para nós, que almejamos algo dentro da competição. Passa muito por esse jogo. Dos próximos quatro jogos, são três em casa e o confronto direto contra o América-MG, fora de casa. Estamos acompanhando os jogos, os resultados e ainda no leva a crer que só dependemos de nós. Vamos pensar jogo a jogo”, cravou o treinador.

Matheus Costa admitiu a oscilação que o Paraná teve diante do Sport. Mudou o esquema, atuou com três zagueiros, mas mesmo assim foi pressionado pelo Leão em grande parte do jogo. No entanto, o treinador não quis dar pistas quanto a escalação para enfrentar o Londrina, na Vila Capanema.

+ Leia mais: Tem ex-jogador do Paraná convocado pra seleção olímpica

Muito também porque depende do departamento médico para colocar o que tem de melhor em campo no clássico local contra o Tubarão. O meia Fernando Neto tomou uma pancada diante do Sport, segue sem treinar e dificilmente deverá ter condições de jogo. O técnico Matheus Costa também aguarda para saber as reais condições dos meias Vitinho e Matheus Anjos e quanto cada um pode aguentar na partida. O atacante Bruno Rodrigues deve ficar de fora por mais duas semanas pelo menos.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Assim, se desmanchar o esquema com três zagueiros, a tendência é de que o volante Luiz Otávio retorne ao time na vaga de um dos defensores. Deve sobrar, então, para Rodolfo. Para a vaga de Fernando Neto, Vitinho e Matheus disputam a vaga, mas aguardam o posicionamento do departamento de fisiologia do clube.

Com dúvidas e muito mistério, o provável Paraná para encarar o Londrina deve ter: Thiago Rodrigues; Leandro Almeida, Rodolfo (Luiz Otávio) e Fabrício; Éder Sciola, Vitinho (Matheus Anjos), Alesson (Matheus Anjos), Jhemerson e Guilherme Santos; Judivan e Jenison.