O Paraná Clube joga nesta segunda-feira (28), às 20h, na Vila Capanema, diante do Londrina, todas as suas fichas para ainda buscar o acesso à primeira divisão. Aliás, o fator casa pode ser decisivo para recolocar o Tricolor novamente mais perto do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Dos próximos quatro jogos, três serão no Durival Britto e conseguir ser eficiente diante da sua torcida será essencial para a sequência na segunda divisão. O duelo terá transmissão no canal Premiere e no Tempo Real da Tribuna do Paraná!

As derrotas seguidas sofridas para Figueirense e Sport fizeram o time paranista despencar na classificação. De postulante a ocupar uma vaga no G4, a equipe caiu para a nona posição. Mesmo que vença o Tubarão, não conseguirá voltar ao pelotão de frente.

Serão daqui pra frente mais 21 pontos em disputa. Destes, o Paraná terá que somar pelo menos mais 18 para brigar pelo acesso. Assim, especialmente nas partidas dentro da Vila Capanema, o técnico Matheus Costa prefere se apegar aos bons momentos para, primeiro, somar os três pontos nesta noite.

“Temos que pegar de exemplo o jogo do Coritiba, quando selamos o resultado no início do jogo. O começo do jogo contra o Figueirense. Temos que ter a consciência que tanto em casa, quanto fora, vão acontecer as oscilações. Nos momentos que tivermos melhor que o adversário temos que aproveitar. Dentro da Vila, os resultados às vezes não aconteceram nessa Série B, mas temos que continuar acreditando e contamos com o apoio do torcedor para que a gente conquiste essa vitória contra o Londrina”, afirmou o treinador.

Nessa fase ruim também apareceram novamente os problemas extracampo. O Tricolor deve dois meses de salários e os jogadores decidiram adotar a lei do silêncio. Apesar disso, Matheus Costa enalteceu a entrega do elenco no dia a dia e garantiu que essas dificuldades não estão influenciando no rendimento em campo.

“O clube tem dificuldade, vive um momento difícil. Temos que entender e enaltecer algumas coisas. Diante das dificuldades, estamos há um mês sem nenhum dia de folga e ninguém reclamou. Estamos trabalhando exaustivamente em busca do objetivo. Jogadores me ligaram confiantes de que, diante dos resultados e dos adversários, temos condições. O foco é tão grande, que o nosso objetivo agora é nas partidas”, garantiu o comandante paranista.

Para enfrentar o Londrina, o técnico não deu pistas do time que vai entrar em campo. Os atacantes Bruno Rodrigues e Pimentinha devem ser vetados pelo departamento médico. O meia Fernando Neto sofreu uma pancada na coxa diante do Sport, não treinou desde o retorno da delegação para Curitiba e é dúvida.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Por outro lado, aguarda o aval do departamento de fisiologia para saber por quanto tempo poderá contar com os meias Vitinho e Matheus Anjos, que retornou após três meses lesionado. Somente um deles deve começar como titular contra o Tubarão.

O treinador também avalia se manterá ou não o esquema com três zagueiros utilizado diante em Recife.  Caso volte para a formação anterior, um dos zagueiros vai deixar a equipe para o retorno do volante Luiz Otávio. Se Fernando Neto não reunir condições, Vitinho e Matheus Anjos disputam a posição.

Ficha técnica

SÉRIE B
2º Turno – 32ª Rodada

PARANÁ CLUBE X LONDRINA

Paraná Clube
Thiago Rodrigues; Leandro Almeida, Rodolfo (Luiz Otávio) e Fabrício; Éder Sciola, Vitinho (Matheus Anjos), Alesson, Jhemerson e Guilherme Santos; Judivan e Jenison.
Técnico: Matheus Costa

Londrina
César; Alemão, Dirceu, Lucas Costa e Felipe Vieira; Matheus Bertotto, Germano, Matheusinho, André Moritz (Luidy) e Matheus Bianqui; Léo Passos.
Técnico: Mazola Júnior

Local: Vila Capanema
Horário: 20h
Árbitro: Wagner Reway (Fifa-PB)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Fabio Pereira (TO)