O meia Renatinho é uma das grandes esperanças do Paraná Clube na luta pelo acesso à primeira divisão na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Não à toa, a diretoria fez um esforço muito grande para renovar o contrato do camisa 10, apesar do interesse de outros clubes, inclusive do exterior. Só que nas últimas partidas o jogador caiu muito de rendimento e ele próprio admite isso.

“Teve muitos rumores falando que eu estava certo (negociação para fora do país). Isso eu deixo para o meu empresário. Quem tem que resolver é ele. Em campo, meu rendimento caiu um pouco. Um pouco também pela pausa que tivemos, é complicado, perde um pouco o ritmo e o nosso time vinha em uma crescente muito boa. Com isso, acaba tendo alguns probleminhas”, ponderou Renatinho.

O armador do Tricolor, que chegou até certo ponto sem criar grandes expectativas no início do ano, se tornou rapidamente uma das peças principais na boa campanha realizada no Paranaense, na Copa do Brasil e na Primeira Liga. Renatinho, no entanto, apesar do esforço para a renovação do seu contrato, acredita que o grupo todo tem a responsabilidade de levar o clube de novo à elite do futebol brasileiro.

“Não encaro dessa forma. Estou muito feliz pela renovação e, junto com meus companheiros, temos o mesmo objetivo, que é subir o Paraná para a Série A. O clube está há um bom tempo na Série B e não deve ficar. Então, nosso foco principal é esse, subir o Paraná novamente”, garantiu o meia.

O Paraná tem a chance de conseguir sua primeira vitória na Série B diante do Goiás, nesta terça-feira (16), às 21h30, na Vila Capanema. Apesar do investimento maior do adversário, Renatinho confia na vitória paranista. “A parte financeira não interfere muito não. Respeito muito o Goiás, tem um grande time, mas temos que fazer o nosso trabalho, jogando em casa e adquirir os três pontos”, arrematou.