Ainda sentindo o peso das três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro, os jogadores do Paraná Clube vão precisar transformar a decepção em incentivo. Lembrando da última partida contra o Sport, em que o Tricolor saiu derrotado por 2×1, no último domingo (29), na Vila Capanema o atacante Silvinho falou sobre a importância de entrar em campo nos próximos compromissos com muita atenção.

“Sentimento é de frustração, porque novamente fizemos um grande jogo. Todos podem ver pelos números que o nosso volume de jogo foi muito maior e eles só tiveram chances em erros nossos. Sabemos que não podemos baixar a cabeça em nada. Nosso campeonato era contra o Sport, perdemos para concorrente direto e temos que ganhar pontos fora”, comentou o jogador, confiante para a sequência da competição.

“Não podemos deixar abalar, cada um tem que se cobrar e saber o que está acertando e errando. Está na hora de uma cobrança mais interna entre nós e os erros estão acontecendo mais por desatenção”, disse Silvinho.

Na partida contra os pernambucanos, o Paraná Clube teve mais posse de bola que o adversário, mas não refletiu isso em conclusão a gol. Uma situação que, se pudesse, o jogador paranista mudaria.

“Preferia realmente ter duas finalizações e eles 25, mas ganharmos, mas agora temos que pensar na Chapecoense”, falou o jogador se referindo ao compromisso do Paraná Clube contra a Chape, na Arena Condá, na segunda-feira (7), às 20h.

“Aqui dentro não vai faltar determinação. Estamos trabalhando e vamos continuar dando o máximo”, falou o atacante.