O Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PR) marcou para o dia 28 deste mês o julgamento que pode anular a vitória do Paraná Clube por 2×1 sobre o FC Cascavel. A decisão vai sair somente três dias antes da última rodada da Taça Dirceu Krüger do Campeonato Paranaense, que está marcada para ocorrer no dia 31 de março.

+ Leia mais: Coxa e Paraná deve ser mesmo no Janguito

O Tricolor, na abertura do segundo turno do Campeonato Paranaense, venceu o FC Cascavel com um gol polêmico. O zagueiro Rodolfo fez um golaço de voleio, mas o time do oeste do Estado alegou falta de fair play do Tricolor no lance, que aconteceu já nos acréscimos da partida.

+ Opinião: Que futebol queremos para as nossas crianças?

O zagueiro do FC Cascavel, Hitalo Rogério estava caído na área e dando condições ao zagueiro Rodolfo depois de tomar uma pancada na cabeça. O lance seguiu e, depois do cruzamento de Juninho, o zagueiro Rodolfo conseguiu fazer o gol e gerou muitos protestos do time cascavelense.

+ Balanço: Times das séries A e B do Brasileirão enfim dominam o Paranaense

O FC Cascavel, então, pediu a anulação da partida junto ao TJD-PR. O presidente da entidade, Adelson Batista de Souza, determinou que o resultado da partida não fosse homologado até que o julgamento fosse realizado. Agora, a decisão está nas mãos do Tribunal e os pontos só serão computados para o Tricolor depois do dia 28 de março, três dias antes da última rodada do segundo turno do Campeonato Paranaense.

+ Confira a classificação completa e a tabela da Taça Dirceu Krüger

Se o jogo for anulado, a partida entre Paraná Clube e FC Cascavel terá que ser realizado novamente. Assim, o duelo seria realizado somente depois da última rodada do segundo turno do Estadual.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!