Entre os animais que venceram na semana passada o destaque foi Velodrome, de criação e propriedade do Haras Dar-El-Salan. Apresentamos, a seguir, a relação dos amimais paranaenses que venceram em outros hipódromos, de acordo com pesquisa do colega Dalton Luís Mehl Andrusko.

Gávea

Velodrome, por Booming e Licena (Derek), de criação e propriedade do Grande Prêmio Brasil do Haras Dar-El-Salan (Grande Prêmio Brasil -Grupo 1); Especiaria, por Burooj e Sunday (Cavalo Doro), de criação do Haras J.B.Barros; Oz Ajami, por Bright Again e Flic Flac (Troyanos), de criação do Haras Doce Vale; Don Pari, por Clackson e Une Parl (Only Once), de criação de Roberto Belina; Quintessa, por Aksar e Ireland Dream (Effervescing), de criação do Haras Santa Rita da Zerra; Zahle por Bo-     oming e Operelle (Falcon Jet), de criação do Haras Dar-El-Salam; Oz Esmeral, por Cigano-Road e L?Ópera (Pallazi), de criação de Nery Malucelli Júnior; JonVickers, por Critique (Effervscing), de criação do Haras Tributo À Opera; e Valle Nevado, por Vuarnet e Ile de Revê (Grand Orient), de criação do Haras Dar-El-Salan.

Cidade Jardim

Dá-lhe Veramar, por Dodge e Orabelle (Solstein), de criação e propriedade do Haras Clemente Moletta. Treinador: Dilson Antunes; Ziriguidum Hail, por Baynoun e Secret Hail (Spend A Buck), de criação de Gianni Franco Samaja; Ochos El Negro, por Ski Champ e Mucca Mia (Sunny´s Halo), de criação do Haras Cifra; Cavalo Mágico, por Clackson e Anilde (Executioner), de criação do Haras São Luiz; Feiticeiro Apache, por Oarme e Hay Lês Roses (Bright Again), de criação e propriedade do Haras Santarém. Treinador: Márcio Ferreira Gusso); e Jeitoso, por Now Listen e Overnight Draw (Un Etendard), de criação do Haras Novo Mossoró.