O Vasco terá o apoio maciço de sua torcida na partida deste domingo contra o Santos, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. O time carioca precisa vencer para tentar sair da zona de rebaixamento e os vascaínos atenderam à convocação dos jogadores, procurando com intensidade os ingressos no primeiro dia de venda em bilheterias.

“Será um jogo importante e com estádio cheio. Na situação atual, 1 a 0 soa como título e não existe nada melhor do que atuar nessa atmosfera”, comentou o volante Pedro Ken, um dos titulares do Vasco.

A diretoria colocou as entradas a preços promocionais, com o bilhete mais barato a R$ 5. Com a maior capacidade do Maracanã (São Januário está em reforma), os cartolas vascaínos esperam uma boa arrecadação. Mais de 51 mil ingressos foram colocados à venda.

“São Januário é a nossa casa, mas fizemos bons jogos no Maracanã. É importante encher o estádio e a torcida marcar presença nesse momento. A torcida do Vasco está nos apoiando, apesar da situação difícil”, comentou Pedro Ken.

Na internet, os torcedores vascaínos se motivam para superar a marca de 56 mil flamenguistas que compareceram ao Maracanã na última quarta-feira, quando o Flamengo superou o Goiás pela semifinal da Copa do Brasil.

ABSOLVIDO – O meia Juninho Pernambucano escapou de punição no julgamento do recurso de seu caso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Acusado por jogada violenta e provocação à torcida adversária em clássico contra o Flamengo, ele pegou pena mínima pela primeira violação, em gancho já cumprido. Assim, está liberado para encarar o Santos.