Enquanto alguns atletas de menor expressão optam por não participar dos Jogos Olímpicos do Rio, grandes nomes do esporte se sacrificam para estar na capital fluminense em agosto. Nesta terça-feira, o britânico Mark Cavendish anunciou que está abandonando a Volta da França para poder se preparar melhor para os Jogos. Apesar de ter vencido quatro etapas até agora, ele fez uma competição muito inconstante e é apenas o 155.º colocado.

No segundo dia de descanso da principal volta ciclista do planeta, Cavendish decidiu que não vale a pena voltar para a competição, que terá sua 17.ª etapa na quarta. Até o fim da Volta da França, no domingo, o pelotão praticamente só vai pedalar nos Alpes, cenário nada recomendável para um ciclista com as características de Cavendish.

O britânico é um sprinter – ciclista especializado em provas velozes – e estará nos Jogos Olímpicos do Rio para competir no ciclismo de pista. Segundo da história com mais etapas vencidas na Volta da França(30), ele preferiu descansar o corpo para tentar o ouro olímpico no Madison, junto com Bradley Wiggins.

Cavendish venceu três vezes o Campeonato Mundial de Ciclismo de Pista na prova de Madison, a última delas este ano, em Londres. Na estrada, foi campeão mundial em 2011.