Nelsinho Piquet ainda está com o futuro indefinido na Fórmula 1. Mas conta com uma importante arma para continuar na Renault na temporada 2009: seu pai e empresário Nelson Piquet, que é tricampeão mundial e ainda tem grande influência na categoria.

Nesta sexta-feira (31), durante o primeiro dia de treinos livres para o GP do Brasil, Piquet esteve em Interlagos e teve uma reunião de mais de uma hora com Flavio Briatore, o diretor da Renault. Nenhum dos dois comentou sobre o que foi discutido, mas o tema foi um só: a permanência de Nelsinho na equipe.

Nelsinho, por sua vez, disse que a reunião de seu pai com Briatore foi uma coisa normal. “Este é o jeito que tem que ser, empresário é para isso”, disse o piloto, que, no entanto, descartou uma definição imediata do seu futuro. “Não vai ter nenhum anúncio agora, neste fim de semana estamos preocupados apenas com a corrida.”

Sobre os treinos livres desta sexta-feira, em que conseguiu o 8º tempo na primeira sessão e o 7º na segunda, Nelsinho admitiu que seu carro ainda precisa melhorar. “Nosso trabalho pode depender muito do tempo (deve chover no domingo em São Paulo), em relação a pódio e pontos”, avisou o brasileiro da Renault.