O início ruim de temporada não apaga o fato de o São Paulo ter um bom elenco, com peças de reposição à altura do titular em quase todas as posições. Em uma delas, porém, o técnico Emerson Leão tem um grande problema. Piris é o único lateral-direito do elenco, uma vez que Douglas foi contratado machucado e ainda não tem previsão de estrear. E o paraguaio está em péssima fase, principalmente desde que voltou de uma lesão na coxa.

“Comecei bem o ano, com uma sequência na equipe, mas aí tive a lesão. Estou voltando e ainda falta um pouco de ritmo. Na parte física também, por conta do meu estilo de jogo de ir ao apoio, de voltar rápido para marcar. Mas tenho certeza de que vou melhorar”, comentou Piris, nesta sexta-feira.

O jogador ficou afastado de três partidas e retornou à equipe diante do Bragantino. Naquele jogo, errou o passe que deu origem ao gol de empate do time do interior. Depois, foi novamente muito mal contra Palmeiras, XV de Piracicaba e Independente-PA, ausente no ataque e ineficiente na marcação. Ele diz que dará a volta por cima.

“Confio em mim. Jogador tem disso. Às vezes as coisas não vão bem, mas tem de seguir com a cabeça erguida. Espero fazer o mesmo trabalho que fiz no Cerro Porteño. Não estou passando por um momento bom, mas sei que vou melhorar”, garante o paraguaio.