O árbitro norueguês Tom Henning Ovrebo, duramente criticado depois do Barcelona eliminar o Chelsea no ano passado na Liga dos Campeões da Europa, anunciou nesta sexta-feira a sua aposentadoria de partidas internacionais.

Ovrebo foi alvo de críticas depois da partida pelas semifinais em que jogadores do Chelsea o acusaram de errar em várias lances ao não marcar pênaltis e toques de mão. Supostamente, ele teria sido ameaçado após o confronto.

O árbitro de 43 anos não foi convocado para apitar na Copa do Mundo da África do Sul, depois de aparecer em uma lista preliminar.

Ovrebo disse nesta sexta-feira em um comunicado oficial que está “triste” por abandonar as partidas internacionais, mas que está “seguro de que é a decisão correta”. O juiz norueguês indicou que continuará apitando no futebol norueguês.