Após anunciar nesta terça-feira a rescisão contratual do técnico André Villas-Boas, o Porto não perdeu tempo e no mesmo dia confirmou o seu substituto. Trata-se de Vítor Pereira, que trabalhava como auxiliar do antigo treinador.

Pereira assinou um contrato por duas temporadas e terá a responsabilidade de dar continuidade ao grande trabalho feito por seu antecessor. Sob o comando de Villas-Boas, o Porto conquistou o Campeonato Português, de forma invicta e antecipadamente, além da Taça de Portugal e da Liga Europa.

Em nota publicada em seu site oficial, o clube confirmou a quitação dos 15 milhões de euros referentes à rescisão contratual de Villas-Boas. Agências de notícias, jornais e sites portugueses noticiaram na última segunda-feira que o Chelsea concordou em pagar o alto valor ao Porto para contratar o treinador, de 33 anos, que chegaria ao clube inglês para substituir o demitido Carlo Ancelotti.

O Chelsea informou, por meio de nota oficial na última segunda, que espera anunciar um novo técnico “nos próximos dias”, mas ainda não confirmou oficialmente a contratação de um novo comandante.