Ao contrário da maioria das equipes do Campeonato Brasileiro, o Vasco não teve folga no meio de semana, em virtude de precisar recuperar a partida adiada contra o Corinthians, válida ainda pelo primeiro turno. Mas o técnico Paulo Cesar Gusmão tem o que comemorar. Desta vez, nenhum jogador se lesionou ou foi suspenso por cartões. Assim poderá repetir contra o Atlético-GO, domingo, no Serra Dourada, o time que derrotou os paulistas com boa atuação.

No treino desta sexta-feira, justamente para evitar problemas de última hora, praticamente todos os titulares foram poupados dos exercícios de ataque contra defesa e de finalizações. Apenas o goleiro Fernando Prass participou. A ideia foi preservar a musculatura dos atletas, já desgastada pela maratona de jogos.

“Estou tendo uma preocupação grande até nos treinamentos. Alguns jogadores estão muito cansados. Você tem que se adequar para não ter mais lesões ou mais perdas. Eles estão com um índice de fadiga muito grande. Neste momento, tem que dar mais repouso do que treinamento”, justificou PC Gusmão.

Para a partida contra os goianos, o treinador segue sem poder contar com os jogadores já afastados há alguns jogos: Ramon, Carlos Alberto, Max, Fágner e Nilton estão machucados.