O saldo do confronto do Batalhão de Choque com os manifestantes do movimento “Mais Pão, Menos Circo”, em Fortaleza, nos arredores do Castelão, que protestaram contra a realização da Copa das Confederações e da Copa do Mundo no Brasil, é de oito policiais militares feridos, dois jornalistas atingidos, dezenas de manifestantes feridos com balas de borracha e uma viatura da Autarquia de Trânsito incendiada.

Cerca de 30 mil pessoas tentaram marchar para Arena Castelão, onde aconteceu o jogo Brasil x México, pela segunda rodada do Grupo A da Copa das Confederações. O bloqueio feito pelos policiais foi na Avenida Alberto Craveiro, principal via de acesso ao estádio. A BR-116 foi interditada pelos manifestantes.

Os policiais usaram bombas de efeito moral e montaram barreiras para evitar que a multidão, que revidou com pedras, se aproximasse do estádio. Uma manifestação semelhante aconteceu no último sábado, dia da estreia do Brasil na Copa das Confederações, contra o Japão, nos arredores do Estádio Nacional de Brasília, o Mané Garrincha.

O Paraná Online quer saber a sua opinião. Clique aqui e utilize o nosso espaço para se manifestar sobre os protestos.