As corridas reservadas para produtos de dois anos são as mais importantes da reunião de amanhã, merecendo referência especial a sétima do programa, pois será em homenagem ao saudoso Mário Cordeiro Xavier, que destacou-se como grande turfista e dirigente. Uma prova que, pelo retrospecto dos sete competidores, promete movimentada decisão. Como forças indicamos Obsceno, L?Amigo Steve e Eletric Dream, mas sem destaque.

A terceira prova também reunirá oito produtos da geração 2005, na distância de 1.000 metros. Nestas primeiras considerações, sem muita convicção, vamos destacar três competidores: Sacarrolhas, Paulistinha e a parelha Lírio dos Pampas/Lord Pingo.

A reunião será iniciada com uma prova de animais do ?caminhão?, figurando num mesmo plano Orquídea Morena, Northfleet e Guasqueira, podendo qualquer um dos três merecer a preferência dos apostadores.

Patriote, que venceu em São Paulo, pode ser o favorito da segunda prova, mas não será fácil ganhar de Vauxhall e Pizzaiolo, que já venceram no Tarumã.

Jagunço e Imparcial, ambos vindo de vitória, podem decidir a quarta prova, destacando-se Bird of Cord e Corvette Baby como perigosos rivais.

Dona Encrenca, atravessando fase de evolução, pode conseguir nova vitória, mas Triumphal Slew e Travel Guide podem surpreender a pilotada de José Marcelo Ventura.

Dado, vindo de duas vitórias, pode ganhar a terceira consecutiva no sexto páreo, figurando Landmann como grande rival, enquanto Señor Comandante é a diferença de nossa fórmula.

Bilardo, vindo de boas atuações, pode confirmar seu provável favoritismo na oitava prova, figurando a dupla como indicação mais difícil, entre Taquara Verde, Valentaço e Noble Colony.

A penúltima prova apresenta-se equilibrada. Nenhum dos seis competidores merece muita confiança. Nestas primeiras considerações vamos indicar como forças, Berlinda Glory, Glint of Sun e La Kelly.

A prova de encerramento também promete movimentada decisão. Never Love, nossa favorita, terá que correr muito para ganhar de Kinder Boy, Alamos e Velho Mussi.