Ao contrário das últimas edições em que uma ou duas equipes aparecia com vantagem na disputa da Taça Jorge Kudri, nesta edição da competição, quatro equipes podem ficar com o título. Oppnus/Maringá, Oi/Oppnus/Penalty/Umuarama, Keima Futsal e Muffatão/Sol do Oriente/FAG/Mion/Cascavel, cada qual com sua particularidade. Dependendo somente de si, o Maringá precisa de uma vitória contra o Cataratas para ficar com o título. Além dessa possibilidade, o Maringá pode até empatar desde, que o keima não some seis pontos nos próximos jogos. Outra possibilidade é ser campeão com uma derrota, mas para isso, Umuarama, Keima e Cascavel não podem chegar a 29 pontos.

Vencer dois jogos e torcer por tropeço do Maringá.

A equipe de Ponta Grossa tem 23 pontos e, por estar, na vice-liderança do estadual, precisa de uma combinação de resultados vencer o Pato e o São Lucas e torcer até por um empate do Maringá contra o Foz Cataratas, contanto que faça a lição de casa.

O Umuarama precisa ultrapassar o Ponta Grossa em número de pontos, já que nos critérios técnicos perde para a equipe de Ponta Grossa. Para isso um empate do já basta, contanto que o Umuarama vença os dois jogos que tem pela frente contra São Lucas e Foz Futsal. Além disso, o Maringá não pode pontuar contra o Foz Cataratas.

O Cascavel que está pontos atrás do Maringá precisa de uma combinação maior de resultados. Para ficar com a taça, os atuais pentacampeões estaduais precisam vencer as duas partidas que tem pela frente e torcer para que Ponta Grossa, Umuarama e Maringá não pontuem. O Cascavel enfrenta o Guarapuava na quarta-feira e o Marechal no dia 3 de julho.