Depois de perder para o Corinthians na estreia, o Racing uruguaio conseguiu a reabilitação na Copa Libertadores da América. Nesta terça-feira, no estádio Centenário, em Montevidéu, a equipe da casa derrotou o Cerro Porteño, do Paraguai, por 2 a 1, pela abertura da segunda rodada do Grupo 1 da competição continental.

Com o resultado, o Racing assumiu a segunda colocação da chave e tem a mesma pontuação do Corinthians (3). No entanto, perde no saldo de gols para a equipe brasileira (1 a 0). Já o Cerro Porteño é agora o lanterna com apenas um ponto. O Independiente Medellín, da Colômbia, também tem um ponto e enfrenta o Corinthians nesta quarta, em Bogotá.

Para conseguir a vitória, o Racing fez um gol em cada tempo. No primeiro, aos 18 minutos, Matías Mirabaje aproveitou uma jogada ensaiada em cobrança de falta e chutou rasteiro no canto direito de Barreto. Na segunda etapa, aos 23, o goleiro paraguaio falhou e Cauteruccio tocou para marcar o segundo gol. O Cerro diminuiu, aos 37, com Cáceres.

EMPATE NAS ALTURAS – O atual campeão da Libertadores sofreu para conseguir um ponto em La Paz. Na altitude de 3.600 metros da capital da Bolívia, o Estudiantes arrancou um empate sem gols com o Bolívia, no estádio Hernando Siles, em jogo válido pela terceira rodada do Grupo 3.

O resultado deixa a equipe argentina na segunda posição da chave, com quatro pontos. O líder é o Alianza Lima, do Peru, com seis. O Bolívar ocupa a lanterna, com um ponto.