A pré-temporada do Real Madrid, atual campeão do Campeonato Espanhol e da Liga dos Campeões da Europa, acabou nesta quarta-feira com uma vitória na disputa por pênaltis contra o MLS All-Stars, um combinado com os melhores jogadores da Major League Soccer, a liga de futebol profissional dos Estados Unidos. Em Chicago, no estádio Soldier Field, o duelo terminou empatado por 1 a 1 no tempo normal e os espanhóis ganharam nas penalidades por 4 a 2.

Um dos destaques da partida foi o goleiro Luca Zidane, de 19 anos, filho do técnico francês Zinedine Zidane, que brilhou ao defender o primeiro chute do MLS All-Stars – do atacante Dwyer – na disputa por pênaltis. No tempo normal, entrou aos 26 minutos do segundo tempo e mostrou segurança.

A partida também marcou o reencontro entre o Real Madrid e o meia Kaká, que foi titular no MLS All-Stars e teve boa atuação, comandando as principais jogadas de seu time. O brasileiro, atualmente no Orlando City, jogou na equipe espanhola entre 2009 e 2013.

Em campo, o Real Madrid começou o jogo com vários reservas e mesmo assim criou várias chances de gol. Só foi melhorar no segundo tempo, quando Zidane colocou alguns titulares como o lateral-esquerdo brasileiro Marcelo, o meia galês Gareth Bale e o atacante francês Karim Benzema. O gol espanhol saiu aos 11 minutos com o jovem atacante Mayoral.

O MLS All-Stars, que começou a partida com nomes experientes como Kaká, o meia alemão Bastian Schweinsteiger e os atacante Giovinco e David Villa, reagiu no final e conseguiu o empate aos 41 minutos. Valeri cobrou escanteio da direita, McCarty testou firme na trave esquerda de Luca Zidane, mas Dwyer pegou o rebote e fez o gol.

O próximo compromisso do Real Madrid já será de forma oficial. Atual vencedor da Liga dos Campeões, disputará a Supercopa da Europa, na próxima terça-feira, contra o Manchester United, campeão da Liga Europa, em Skopje, na Macedônia. O time ainda não deve ter a presença do atacante português Cristiano Ronaldo, que só voltará das férias neste sábado.