Cortado dos últimos dois amistosos da seleção brasileira, Marcelo voltará aos gramados nesta quarta-feira para defender o Real Madrid na partida contra o Galatasaray, em rodada da Liga dos Campeões. Recuperado de lesão, o lateral-esquerdo mostra confiança para reaver seu lugar no time espanhol.

“Estou bem. Estou recuperado da lesão e estou mais confiante”, afirmou o brasileiro, nesta terça-feira, após participar normalmente do treino do Real. “Sempre tive confiança, independente do treinador da equipe, mas na temporada passada passei muito tempo fora e agora estou mais confiante”.

Marcelo voltou aos treinos na quinta passada, depois de sofrer uma “artrite traumática” no joelho, segundo o clube. O problema físico o tirou das últimas partidas do time e dos amistosos do Brasil com Honduras e Chile, na semana passada, nos Estado Unidos e no Canadá.

Motivado pelo retorno aos gramados, Marcelo projetou a classificação do Real à fase de mata-mata da Liga dos Campeões com uma vitória sobre o Galatasaray, no Santiago Bernabéu. “Nosso objetivo é conseguir a classificação o quanto antes. Queremos fazer isso já para podermos nos concentrar no Campeonato Espanhol”.

Para o brasileiro, o Real tem tudo para somar mais uma vitória na competição, depois de aplicar 5 a 0 no Almería, em rodada do Espanhol, no fim de semana. “É muito bom ver que o time está melhor do que no início da temporada, ofensiva e defensivamente”, exaltou. “Queremos marcar o maior número de gols possíveis”.

Nesta quarta, Marcelo poderá ter a companhia do compatriota Casemiro, ex-São Paulo. O volante recebeu elogios do técnico Carlo Ancelotti, que deixou em aberto sua escalação. “Ele mostrou boas condições contra o Almería e pode jogar como titular”, disse o treinador, que poderá escalar o brasileiro na vaga do experiente Xabi Alonso. “Xabi vem de uma lesão grave e poderá ser poupado amanhã”.