Valdivia fará sua reestreia com a camisa do Palmeiras no domingo, quando acontece o jogo contra o Guarani, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, pelo Brasileirão. O último obstáculo para a escalação do meia chileno foi superado nesta quinta-feira, quando seu nome apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), confirmando que a sua inscrição como jogador palmeirense estava regularizada.

Ídolo da torcida do Palmeiras, após passagem de sucesso entre 2006 e 2008, Valdivia voltou recentemente ao clube – estava no mundo árabe. Ele ainda não está com a forma física ideal, mas o técnico Luiz Felipe Scolari já adiantou que pretende escalá-lo no domingo, para alegria dos palmeirenses, que esperam ansiosos pelo reencontro com o chileno de 26 anos.

“O Valdivia ainda não está 100%, mas apresenta condições razoáveis e é provável que ele possa jogar 45, 60 minutos. A medida que ele começar a se sentir bem, e isso deve acontecer em 15 dias, nós vamos colocá-lo os 90 minutos. Para isso, é necessário estar inteiro na parte técnica e física”, disse Felipão, que também está ansioso pela estreia do reforço.