O volante Richarlyson, titular nos últimos dois jogos do São Paulo, reiterou a sua decisão de não jogar mais como lateral. “Não foi bom para mim. Até posso jogar se o Muricy [Ramalho, técnico] pedir, não vou me negar se for para ajudar, mas eu prefiro jogar no meio, como volante ou meia. O Muricy já sabe o que eu quero”.

O jogador tem noção que 2008 foi um ano perdido por causa da mudança de posição. Empolgado com a oportunidade de ser convocado por Dunga, Richarlyson decidiu se fixar na lateral, mesmo após ter sido eleito um dos melhores volantes do Campeonato Brasileiro de 2007.

Não deu certo. Agora, ele está recuperando novamente seu espaço. “Procurei treinar nas férias para chegar em vantagem para os demais”, afirmou o jogador, que fez questão de esclarecer novamente o episódio em que disse que só queria ficar no São Paulo se fosse para jogar.

“Fui mal interpretado. Não queria ficar se não fosse útil. E estou me sentindo útil agora. Alguns poderiam dizer que fui arrogante, mas cada um tem seu jeito de pensar. O importante é que nunca deixei de trabalhar porque teria minha chance”, afirmou o jogador.